Razer Kaira X: novo headset gamer é uma boa opção de entrada

No fim de 2021, a Razer lançou uma opção de headset de entrada para os jogadores de PlayStation e Xbox com o modelo Kaira X. Apesar de ter um preço mais acessível que o de costume, ele não faz feio quando comparado a outros modelos de marcas concorrentes vendidas a preços similares. Saiba tudo sobre esse headset games no nosso review a seguir!

Sólido desempenho nos consoles

O Kaira X é vendido em modelos de cores distintos a depender da plataforma escolhida: o fone para PlayStation 4, PS5 e PC é majoritariamente branco, com alguns detalhes em preto e outros em azul, exatamente na mesma linha do que vemos no joystick DualSense. Já no Xbox há mais opções, com o headset ostentando detalhes em verde, branco, vermelho, azul e outras, também emulando os controles da Microsoft.

Como todos os modelos do acessório contam com um conector de 3.5 mm, você também pode utilizá-lo livremente em outras plataformas, só atente para o fato de que não há versões sem fio desse modelo. A assessoria nacional da marca nos cedeu a versão de PlayStation para fins de review, e nossa análise foi inspirada nela, que funcionou mesmo em diferentes dispositivos.

A linha Xbox possui muito mais variedade de coresFonte:  Razer 

Após dois meses de uso, o headset não apresentou quaisquer sinais de desgaste dignos de nota, o que é notável considerando o quanto o seu acabamento em plástico parecia frágil à primeira vista. Na dúvida, é melhor não abusar e tomar cuidado no manuseio, mas o encaixe na cabeça e orelhas resistiu bem às nossas sessões diárias de jogatina.

Mais recomendado apenas para jogos mesmo

Se você é muito exigente com qualidade sonora, é melhor não usar esse fone para algo diferente de jogar videogame. Se a sua meta for ouvir umas musiquinhas na academia, por exemplo, os graves e agudos não entregam uma qualidade tão boa. Mas talvez isso já fosse de se esperar, já que o acessório sequer oferece opções para customizá-lo entre diferentes modos de chamada, música ou jogo, contando com apenas uma única configuração padrão.

O máximo que você consegue fazer é deslizar um botão lateral de volume muito bem posicionado, além de mutar ou desmutar o seu microfone com o simples arrastar de um botão logo acima dele. Infelizmente o microfone não pode ser desencaixado do periférico, o que torna o seu transporte e armazenamento um pouco inconveniente, especialmente porque o cabo também é fixo.

Não espere também por um isolamento de som fora de série. Ainda que você consiga fugir de sons mais corriqueiros como televisores ligados e chuva, outras frequências vazam pelos seus ouvidos sem problemas, como latidos de cachorros, obras e trovões. É o suficiente para você escapar do som dos seus vizinhos brigando, mas não para fugir da reforma no apartamento ao lado.

O fone dobrável do Razer Kaira X faz um trabalho surpreendentemente bom na hora de cancelar ruído ambienteO fone dobrável do Razer Kaira X faz um trabalho surpreendentemente bom na hora de cancelar ruído ambienteFonte:  Razer 

O fone também não foi feito para movimentos bruscos ou moderados, então não é aconselhável jogar usando uma bicicleta ergométrica ou esteira caseira, atividades peculiares, mas cada vez mais comuns nesses tempos de isolamento social.

Tanto nos jogos como em chamadas de trabalho ou telefone, o microfone funciona surpreendentemente bem, fazendo um trabalho muito competente na hora de filtrar a sua voz e eliminar pequenos ruídos de fundo. Não é um cancelamento de ruído top de linha, mas, para um acessório de entrada, você não encontra muitos headsets com microfone melhor.

Se você está procurando pelo seu primeiro headset gamer, ou quem sabe apenas está precisando trocar um fone de entrada por outro, não há muitos produtos nessa faixa de preço com um desempenho melhor que o Kaira X. Contudo, para quem possui um pouco mais de dinheiro guardado e precisa de uma qualidade ainda melhor de som no microfone e fones de ouvido para mais tarefas, vale a pena gastar um pouco mais.

Leave a Comment